quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Inscrições abertas para cursos de Dança


Paulo Caldas

























A Vila das Artes abre inscrições para curso de Dança Clássica, com a professora Wilemara Barros, e Dança Contemporânea, com o diretor e coreógrafo Paulo Caldas. As inscrições são gratuitas e vão de 19 de dezembro a 6 de janeiro de 2012, na secretaria da Vila, Rua 24 de Maio, 1221, Centro, das 9h às 20h. Os interessados devem apresentar um currículo resumido e preencher ficha de inscrição disponível no site: www.fortaleza.ce.gov.br/editaisviladasartes.

O curso de Dança Clássica, destinado a bailarinos de nível intermediário e avançado, será de 16 a 27 de janeiro, das 17h às 19h. O objetivo das aulas é desenvolver um trabalho  focado na consciência corporal, com um melhor entendimento e aprimoramento da dança, através dos elementos básicos da técnica clássica, como postura, eixo, alinhamento, distribuição de peso, posição correta do corpo respeitando a individualidade de cada um. O curso de Dança Contemporânea, por sua vez, é destinado a  bailarinos e coreógrafos de nível intermediário e abordará sequências coreográficas incluindo elementos de técnicas clássica e modernas, contato-improvisação e consciência do movimento. As aulas serão de nível intermediário e vão de 16 a 27 de janeiro, no horário das 10h às 12h. Informações: 3252-1444.

Wilemara Barros é formada pelo Colégio de Dança do Ceará. Além de integrar a Cia. Dita Dança, tem uma longa e reconhecida trajetória como intérprete, tendo se apresentado em diversos estados do Brasil e exterior. Paralelamente desenvolve uma relevante atuação como professora de dança clássica, atuando em importantes projetos de formação em dança, tais como o Colégio de Dança do Ceará e o Curso Técnico em Dança.

Paulo Caldas é formado em Dança Contemporânea na Escola Angel Vianna e em Filosofia pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro. Sua produção é marcada pela aproximação entre dança e cinema/vídeo como poéticas do movimento. Desde os anos 90, sua companhia Staccato, do Rio de Janeiro, tem merecido diversos prêmios e distinções nacionais e internacionais. Suas obras já foram apresentadas em diversas cidades no Brasil, e também nos EUA, Japão, Itália, Alemanha e França. Atualmente é professor do curso de Dança da Universidade Federal do Ceará.

Serviço:
Inscrições gratuitas para cursos de Dança Contemporânea e Dança Clássica, de 19 de dezembro a 6 de janeiro de 2012, na secretaria da Vila das Artes (Rua 24 de Maio, 1221, Centro), das 9h às 20h. Informações: 3252-1444.
Editais e fichas de inscrição em www.fortaleza.ce.gov.br/editaisviladasartes.

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Vídeos do Doc.Web disponíveis na internet


Estão disponíveis para acesso no YouTube os vídeos produzidos durante o curso Doc.Web - Documentário para Web, da Escola Pública de Audiovisual da Vila das Artes, pelos coletivos culturais: Choro Cearense, Tribos Urbanas, Percursos Urbanos, Adoro Perigo, Artelaria, Muviola, Lâmia, Juma, Sinfonia Urbana, Pontos de Escuta, R.E.M. e  Lambendo a Cidade.

O Doc.Web teve início em março de 2010 e ofereceu disciplinas como Antropologia, História e Cultura Local, Linguagem Audiovisual e Cultura Digital. As histórias dos vídeos apresentam uma profusão de acontecimentos que documentam o cotidiano de Fortaleza, mostram uma Fortaleza de cidades sobrepostas. O curso foi orientado pelos professores: Philipe Bandeira, Abraão Alcântara, Marina Mapurunga, Henrique Dídimo, Alexandre Veras, Fábio Giorgio, Fred Benevides, Eudes Freitas, Rúbia Mércia, Walmery Ribeiro e Guto Parente.

Confira os documentários:


TRIBOS URBANAS (Grupo Tribos Urbanas)


O MUNDO É UMA CABAÇA (Grupo Muviola)
  

A ESCOLA INDÍGENA TAPEBA (Grupo Lâmia) 

 

 RETRATOS DE UM SOM (Grupo Choro Cearense)  

  

AO ABRIGO DO SOL (Grupo Pontos de Escuta) 
 
  

MATRIARCA (Grupo Adoro Perigo) 
 
  

LAMBER A CIDADE (Grupo Lambendo a Cidade) 
 


VERDES (Grupo Sinfonia Urbana)
 


CASAS (Grupo R.E.M.)

UM PerCurso (Grupo Percursos Urbanos)  

 UM SALTO SOBRE FORTALEZA (Grupo Juma)

  
ELO (Grupo Artelaria) 

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Resultado do sorteio do curso de Design

A Vila das Artes divulga o resultado do sorteio do curso Photoshop e Illustrator para Design, da Art&Cia Animation School. O vencedor é o seguidor @wandsfersan. O sorteio foi realizado pelo site sorteie.me; confira aqui
 
Agradecemos a participação de todos! Fiquem atentos aos próximos sorteios!
 
Mais
Além do curso de Design, a Art&Cia oferece, em 2012, cursos de Cinema Digital, Games em 3D – Como fazer um jogo e Artista 3D – Da modelagem ao render. Todos os cursos tem duração de 1 ano. As inscrições vão até dezembro. As matrículas variam de R$ 250 a R$ 350, dependendo do curso. A escola existe em Fortaleza há cinco anos e oferece diversos cursos de animação audiovisual. Recentemente adquiriu o software ToonBoom de animação 2D usado amplamente no Canadá e adotado pela Disney.
 
Art&Cia
(85) 3021-0375 
Rua Padre Antônio Thomás, 2080, sala 9,  1º andar.
 

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Diálogos Teatrais reflete sobre o corpo do ator no Teatro do Oprimido

A Gênese da expressividade do Corpo do ator no Teatro do Oprimido é tema do Diálogos Teatrais de dezembro que acontece no dia 19, às 18h30, na Vila das Artes (Rua 24 de Maio, 1221, Centro) e tem entrada gratuita. O encontro acontece todo mês e é uma ação que visa compartilhar experiências e trocar saberes com grupos locais. Faz parte das ações da Escola Pública de Teatro da Vila das Artes.

Para refletir sobre a expressividade do corpo do ator no Teatro do Oprimido e sua possível importância para o teatro brasileiro e universal, a Vila recebe o pesquisador Paulo Ess. O Teatro do Oprimido se revelou, desde seu surgimento na década dos anos 70, como uma atividade que permite, a diversos setores da humanidade (social, econômica e cultural contém o termo oprimido na acepção estabelecida por Augusto Boal), possibilidades de acesso à produção e realização do teatro e os meios expressivos por ele gerados.

Paulo Ess é doutor em Teoria História e Prática do Teatro, pela Universidad de Alcalá/Madrid-Espanha, com qualificação "Sobresaliente Cum laude". Diploma de Estudos Avançados - DEA. Atualmente é professor de Interpretação Teatral no Theatro José de Alencar e Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará. Tem experiência na área de artes, com ênfase em interpretação teatral, atuando principalmente nos seguintes temas: Gênese do gesto artístico e expressividade do corpo.

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

“A dança me traz alegria”



Alegria. É esse o sentimento de muitos alunos e alunas que participam do Formação Básica em Dança, curso da Vila das Artes que teve início em outubro deste ano. “No começo eu pensei em sair, mas gostei tanto das aulas que quero continuar. A dança me traz alegria” conta Marcos Antônio Pereira da Silva, um dos quatro garotos que frequentam o curso.
O Formação Básica em Dança é um curso público inédito que oferece ao longo de seis anos um processo formativo que inclui pensamento e prática “ao final, esses alunos estarão aptos para ingressar no curso técnico” completa a professora Dandara Matos Mesquita, que junto com Jaqueline Peixoto e Silvana Marques conduzem crianças e jovens para um fazer e pensar sobre dança.  

Yorrana só tem 8 anos, mas sabe o que quer “gosto da dança porque ela faz a minha vida”. Conhecer a dança de outros países também faz parte desse universo que amplia o pensamento “Eu já fazia dança, mas aqui (na Vila das Artes) eu aprendo sobre a dança de outros países, como o balé da Rússia. Fazer dança na Vila me dá alegria e o sentimento de querer mais” conta Emanuele Aquino, de 12 anos.
O curso nasceu de uma política pública de cultura pensada para a cidade no campo das artes. Até pouco tempo o ensino da dança em Fortaleza era privilégio de academias e escolas privadas de dança. A Vila das Artes amplia esse universo e possibilita o acesso gratuito ao ensino da dança como arte criativa.
São cerca de 80 jovens que freqüentam o curso na Vila. Hoje (15), as atividades de 2011 se encerraram com uma confraternização. As aulas retornam no dia 6 de fevereiro de 2012. “Vou sentir falta desses dias de aula, dos professores e dos amigos, mais ainda dos ensinamentos” conta a aluna Veida Morais.  

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Pontos de Corte apresenta intervenção artística

Alunos do curso Pontos de Corte – formação de agentes culturais e exibidores independentes apresentam uma intervenção artística na quinta (15), a partir das 19h, na Vila das Artes. Essa será a primeira exibição da turma que teve início este ano. O Curso da Vila das Artes existe desde 2007 e forma atores sociais comprometidos com a arte e a cultura em sua comunidade, além de provocar novos olhares e comportamentos acerca da apropriação de espaços através de manifestações artísticas. 

A intervenção desta quinta terá projeções, performances, sarau e exibição dos filmes "Supermemórias", de Danilo Carvalho, e "Ao abrigo do sol", realização coletiva do grupo Pontos de Escuta. Todos estão convidados a participar.


Dançando na Escola realiza último encontro pedagógico de 2011

Professores do Programa Dançando na Escola se reuniram no último sábado (10) na Vila das Artes e encerraram as atividades de 2011 com experimentação e troca de práticas. O encontro pedagógico, que acontece todo mês, é uma oportunidade de reflexão e elaboração de ações que dialoguem com a proposta pedagógica do programa, aproximando teoria e prática na dança. Confira algumas fotos:




Cinema tailandês no Cineclube

















O Cineclube Vila das Artes exibe o filme “Síndromes e Um Século” (2006), do tailandês Apichatpong Weerasethakul, nesta quarta (14), às 18h30, na Vila das Artes (Rua 24 de Maio, 1221, Centro).  A obra encerra a programação da Mostra de Cinema Contemporâneo e as atividades de 2011 do Cineclube. Em seguida, haverá debate com o artista Yuri Firmeza. A entrada é gratuita. Informações: 3252-1444.

A primeira parte do longa se passa numa clínica rural da Tailândia. Depois de atender um velho monge budista, a Doutora Toey entrevista Nohng, um médico que começa a trabalhar com ela. Na sala de odontologia, o Doutor Ple conversa com um jovem monge que queria ser DJ. Eles falam de vidas passadas e do amor. A segunda parte acontece num moderno hospital de Bangcoc. Toey volta a entrevistar Nohng. Nas duas partes, as espelhadas narrativas, no passado e no presente, repetem-se. Rotinas que se manifestam na memória e nas sensações de felicidade, despertadas por coisas aparentemente insignificantes.

A partir de janeiro, o Cineclube Vila das Artes realiza a Mostra Jam Sessions, com vários documentários musicais.

PROGRAMAÇÃO
Dezembro
Dia 14 - Síndromes e Um Século (Tailândia, 2006, de Apichatpong Weerasethakul)

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Inscrições abertas para curso de Elétrica para Cinema

Estão abertas inscrições para o curso Noção de Elétrica para Cinema e Vídeo, com Júnior Sindeaux (“Bezerra de Menezes” e “As Mães de Chico Xavier). O edital e a ficha de inscrição estão no www.fortaleza.ce.gov.br/viladasartes. Os documentos solicitados (cópia de comprovante de residência, de documento de identidade e currículo) deverão ser entregues na secretaria da Vila das Artes (Rua 24 de Maio, 1221, Centro), das 9h às 20h, até o dia 5 de janeiro de 2012. As aulas acontecem de 16 a 20 de janeiro, das 18h30 às 21h45. Informações pelo (85) 3252-1444.

O curso abordará os conceitos básicos de equipamentos e de elétrica no campo do audiovisual, além das medidas elétricas, sistemas e instalações, componentes e equipamentos elétricos. Entre os objetivos, estão os de oferecer conhecimento teórico e prático na área de eletricidade para audiovisual e proporcionar, principalmente aos assistentes de câmera e diretores de fotografia iniciantes, noções de elétrica e conhecimentos de equipamentos de luz e acessórios para desenvolver melhor suas funções. Podem participar pessoas que tenham interesse na área.

Serviço
Inscrições para curso Noção de Elétrica para Cinema e Vídeo. Até 5 de janeiro de 2012, das 9h às 20h, na Vila das Artes (Rua 24 de Maio, 1221, Centro). Informações pelo (85) 3252-1444.

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Escola recebe espetáculo "Brincar de que?"


Estudantes, professores e gestores da Escola Municipal Joaquim Nogueira receberam, na manhã de ontem, o espetáculo de dança “Brincar de que?”, do grupo Expressart. O coletivo, de Fortaleza, foi contemplado pelo Edital Dança Criança da Secretaria de Cultura de Fortaleza (Secultfor). Durante a apresentação, as crianças interagiram com o grupo, que une brincadeiras à arte da dança.

A Escola, localizada no bairro Antônio Bezerra, foi contemplada por ser uma das 20 da rede municipal de ensino que recebe o Dançando na Escola, programa desenvolvido pela Vila das Artes, em parceria com a Secretaria de Educação, que leva o ensino da dança para crianças de 5 a 12 anos.










































Selecionados para o curso Experimentação, Cultura e Sujeito na obra de Hélio Oiticica

O Centro de Artes Visuais de Fortaleza divulga os selecionados para o curso Experimentação, Cultura e Sujeito na obra de Hélio Oiticica que acontece de13 a 16 de dezembro das 19h às 21h30, na Vila das Artes, com orientação de Tânia Rivera. Os selecionados devem efetuar a matrícula no primeiro dia do curso (13) pelo menos meia hora antes do início das atividades, na secretaria da Vila (Rua 24 de Maio, 1221, Centro). Quem não comparecer será considerado desistente, e o primeiro dos selecionáveis ocupará a vaga.

Selecionados
Alexandre de Albuquerque Mourão
Ana Carla de Souza Campos
Ana Virginia de Almeida Lopes
Annádia Leite Brito
Carlos Renato Araújo Freire
Clélia Crepaldi
Denise Barbosa de Souza
Diego Hoefel
Francisco Galber Rocha Santiago
Franzé Chaves (Barrinha)
Giancarlo Maia
Gislene Maia de Macêdo
Janaína Teles
José Alves Pimenta Júnior
Karla Iene Frota de Albuquerque
Leimisson Casimiro
Lucas Coelho de Carvalho
Nataly Pinho Chaves
Paulo Alves Parente Júnior
Rafael Cavalcante Lima
Roana Diniz Alves
Rodrigo Fernandes Dantas de Menezes
Rosália Silva Menezes
Ruth Vaz Costa
Sylvia Souza

Selecionáveis
1 - Alexandro Bernardino da Silva
2 - Júlia Manta Correa Lima Araújo